Troca de relacao de diferencial de 4,10:1 para 4,89:1

Motor, câmbio, transmissão, tanque de combustível e escapamento

Moderadores: Helio Neto, Fernando João, Waldecir, Luiz

Troca de relacao de diferencial de 4,10:1 para 4,89:1

Mensagempor mgraner » 30/Mai/2011 18:27

O eixo traseiro motriz era Dana 26, o mesmo do Chevette, mas Gurgel determinou que a relação diferencial fosse 4,10:1, a mesma da picape Chevy 500, de motor 1,6. Foi outro erro, a transmissão era longa demais, o carro não tinha agilidade. A primeira parecia de carro de corrida. Era muito lento para arrancar.

Tive oportunidade de experimentar a relação 4,89:1, que era a do Chevette Júnior, de 1 litro, e era outro carro. Mas Gurgel argumentava, com razão, que a durabilidade do motor seria comprometida. Com 21,5 km/h por 1.000 rpm, em quarta, a 100 km/h o motor já estava a 4.600 rpm. Numa longa descida de autoestrada o carro poderia embalar até 120 km/h e o giro chegaria 5.600 rpm, podendo haver até flutuação de válvulas, com possível avaria nas varetas e balancins. "Texto de Bob Sharp"

Tenho um BR800 91 Enertron que só uso na cidade de Sao Paulo com velocidade de no máximo 80 km/h. Gostaria de saber se posso trocar a relacao 4,10:1 pela 4,89:1 conforme o texto do Bob Sharp acima, para o carrinho ficar mais ágil no transito. Abraco a todos.
BR 800 SL 91 - Vermelho - Enertron
Avatar de usuário
mgraner
 
Mensagens: 54
Data de registro: 20/Ago/2010 10:41

Re: Troca de relacao de diferencial de 4,10:1 para 4,89:1

Mensagempor Fernando João » 17/Jun/2011 11:33

mgraner,

Creio que não deva ser fácil encontrar este diferencial. Eu particularmente, concordo com o argumento do Sr. Gurgel que a durabilidade do motor seria comprometida.

Nessa configuração, o câmbio ficará curto demais: Para exemplificar, andando em 4a a 80Km/h, seu motor está girando a 3100rpm (diferencial original). Trocando o diferencial, com a mesma marcha e mesma rotação, sua velocidade cai para 67Km/h. Se você quiser andar a 80Km/h, o giro do motor subirá para 3700rpm (equivalente a 96Km/h com o diferencial original).

Outro detalhe é que o Chevette Jr. tinha uma 1a extremamente curta (muito mais que a 1a do Gurgel), o que com certeza resultaria numa arrancada melhor. Um conhecido meu certa vez me disse que o Chevette Jr tinha um "buraco" entre 1a e 2a marcha, fazendo com que o carro "murchasse" ao passar a 2ª.

Se pretendes trocar o diferencial, observe a marca do mesmo: o modelo da Braseixos não é compatível com o Dana/Spicer do Gurgel.
Fernando João
São José/SC
Ragge California 1989
Avatar de usuário
Fernando João
Administrador
 
Mensagens: 192
Data de registro: 04/Out/2005 10:01
Localização: Florianópolis/SC

Re: Troca de relacao de diferencial de 4,10:1 para 4,89:1

Mensagempor mgraner » 21/Jun/2011 17:38

Valeu. Vou deixar original mesmo. Abraço
BR 800 SL 91 - Vermelho - Enertron
Avatar de usuário
mgraner
 
Mensagens: 54
Data de registro: 20/Ago/2010 10:41


Retornar para Mecânica em geral

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Nenhum usuário registrado online e 2 visitantes

cron