Página 2 de 3

MensagemEnviado: 13/Jul/2008 23:48
por cafb
Wwelzl.
Eu não falei que as mangueiras direcionam para dentro do motor e sim para atmosfera,é como utilizo em meu BR800 .

MensagemEnviado: 14/Jul/2008 08:03
por wwelzl
Carlos

Então neste caso não entendi o porque da mangueira sair da tampa dos balacins, poderia simplesmente puxar a mangueira diretamente do respiro para a atmosfera.
Só que existem dois detalhes:
1- Não é ecológicamente correto, pois está jogando o vapor de óleo na atmosfera...
2- Esta mangueira além de soprar o vapor de óleo para fora, também chupa a poeira/sujeira para dentro do motor...
2a- Se não tampou o tubo que existe na caixa do filtro de ar, este também suga poeira/sujeira para dentro da camara de combustão...

MensagemEnviado: 14/Jul/2008 08:39
por cafb
Na epoca atual ecologicamente não esta correto,mas se computar a quantidade de gurgeis com esse sistema de respiro do motor a contribuição para contaminação do ar do planeta é infima,tendo muitos outros veiculos com maoir poder de contaminação ambiental.
O sistema original de respiro continua,só que a valvula eu enforquei,ficando sem função.
Utilizo 2 mangueiras uma em cada tampa de cabeçote com comprimento minimo de 80 cm e com ponta de metal nas extremidades cortada em chanfro.
Sistema baseado em motores de carros antigos (jeep militar,dodges decada de 50 e outros)

Meu sitema

MensagemEnviado: 14/Jul/2008 09:29
por BR800
Continuo achando o meu sistema mais eficiente: Do respiro entra LATERALMENTE E POR BAIXO em um reservatorio de 500 ML mais alto que o motor sai por cima desse reservatório para o antichama e daí para a base existente no filtro de ar.
Continua com a função de jogar ar quente e lubrificado na mistura para melhorar a pulverização da gasolina, previne que o óleo suba em demasia para o carburador, pois as gotas batem na lateral do reservatório antes de ir para o filtro de ar e decantam, o excesso volta para o motor por gravidade.
Não suja a atmosfera nem o óleo, o sistema é despressurizado.
Meu carro não joga óleo pra fora e nem baixa o nível.

OLEO NO FILTRO DE AR

MensagemEnviado: 14/Jul/2008 10:11
por hoffmeister
Pessoal,não querendo entrar no mérito da questão, estou usando um filtro de ar do Fusca antigo que o elemento filtrante dele é a base de oleo, e esta funcionando muito bem, terminando com o problema de oleo no filtro, quanto ao dimensionamento creio que o mesmo esta acima do exigido pelo motor, pois era de um Fusca 1300. (g2) :D

MensagemEnviado: 14/Jul/2008 12:40
por cafb
De fato varias variantes da recirculação de gases do motor pode ser usadas umas mais trabalhosas,outras mais elementares e praticas,aí fica a opção de quem as faça.Contudo no sistema que optei para uso ,estou satisfeito com o funcionamento do mesmo.

MensagemEnviado: 05/Ago/2008 02:33
por carlos
:?: Estou boiando nessa conversa, motor que respira como se fosse bicho, peças e sistemas que nunca vi e que não tô conseguindo imaginar e o mardito do óleo melando meu carburador. A mangueira que coloquei para jogar óleo dentro do carburador não ficou no lugar, espirrava o óleo para cima da tampa do filtro, vou tentar outro sistema talvez com uma peça plástica rígida, se der certo eu conto.

MensagemEnviado: 06/Ago/2008 02:18
por Helio Neto
carlos escreveu::?: Estou boiando nessa conversa, motor que respira como se fosse bicho, peças e sistemas que nunca vi e que não tô conseguindo imaginar e o mardito do óleo melando meu carburador.

Carlos, para tentar entender veja um trecho do que o Walter escreveu:
wwelzl escreveu:Como o motor Enertron tem apenas dois pistões e estes sobem e descem ao mesmo tempo, então funcionam como um fole, gerando uma pressão interna, isto é, quando os pistões descem, comprimem o ar dentro do motor, quando sobem, expandem o ar.
Então esta pressão precisa ser compensada através de uma válvula.

Nos motores comuns, com mais cilindros, o sobe de um dos pistões é quase ou todo compensado pelo desce de outro, então a pressão dentro do motor é quase constante e pouca, formada quase só pela compressão que vaza pelos anéis. O Enertron não, ele respira igual bicho mesmo, por isso a válvula é tão crítica.

Agora, se mesmo com o sistema da válvula em boas condições e regulado continua espirrando óleo, é sinal de que muita compressão está vazando pelos anéis, assim o motor está expirando bem mais do que aspirando.

Quanto a colocarem a saída das mangueiras nas tampas dos cabeçotes, eu acho que é porque ali, apesar de pressão ser a mesma, o ar deve ter bem menos partículas de óleo em suspensão do que dentro do bloco (onde fica a saída original), pois o ar para chegar lá tem que passar por dentro dos tubinhos das capas de tuchos.

Ao invés de insistir num quebra-galho, acho que vale mais a pena trocar os anéis (e montar com todo o cuidado e nas posições certas), afinal não precisa nem tirar o motor do lugar.

MensagemEnviado: 07/Ago/2008 00:36
por carlos
:D Agora acho que entendi o por que do excesso de óleo: devem ser mesmo os anéis. Vou dar uma garibada nesse motor, pois o carrinho está me quebrando o maior galho.
obrigado Hélio.

OLEO NO CARBURADOR, MAS MUITO OLEO , O QUE FAZER?

MensagemEnviado: 12/Ago/2008 19:47
por georghf
AMIGOS ALGUEM poderia me ajudar. Tenho Um Supermini 92 e ele começou a jogar óleo de motor pelo respiro que vai para o Carburador, no inicio era pouco , até sujava o filtro tive que trocar 02 vezes. Mas depois ele começou a jogar mais óleo , dai tive que isolar essa mangueira que ia para o carburador, e joguei ela para proximo ao farol do supermini. Ja coloquei aquele corta fogo do Fiat, mas nao adiantou quase nada. Sai bastante pressão e nao consigo mais. Haveria uma maneira de direcionar essa pressão e o oleo novamente para o motor? Ou teria que abrir o mesmo, não sei o que fazer. Não tem ninguem em Curitiba que entende de Gurgel, se vocês souberem de alguem agradeceria. Geo de Curitiba.

Ao amigo Helio Neto. Também de Curitiba.

MensagemEnviado: 12/Ago/2008 19:58
por georghf
Amigo, percebi que v. é de Curitiba também. Gostaria de saber como resolver o meu problema, e se v. tem alguém de confiança para mecher no meu Supermini. Ele é 1992, e está soprando óleo pelo respiro que dava no pé do carburador. Ele não solta fumaça pelo escapamento , e tem um bom torque esta com boa compressão. Mas o que incomoda é esse óleo jorrando pra fora. Como substituir essa valvula de pressão que v. diz, onde ela fica? Quem tem ela pra vender? Aguardo um contato se v. puder me ajudar. Sou de curitiba. George 3333-3585. Grato (g1) (g1)

Re: Ao amigo Helio Neto. Também de Curitiba.

MensagemEnviado: 12/Ago/2008 23:01
por Helio Neto
Você já tentou regular a válvula?

Código: Selecionar tudo
Ajuste da Válvula de Respiro do Cárter

O ajuste da válvula de respiro do cárter deverá ser efetuado com o motor instalado no veículo estando o mesmo em funcionamento.
O ajuste é realizado através do parafuso e contraporca, existentes na parte superior da tampa da válvula (Figura 1 01.15).
Proceder como segue:
1. Remover a mangueira do tubo de saída da válvula de respiro do cárter ao filtro de ar.
2. Ligar o motor e deixar que o mesmo atinja a temperatura normal de funcionamento.
3. Soltar a contraporca do parafuso de ajuste do respiro.
4. Com o motor ainda em funcionamento, sentir com a mão a saída de ar pelo tubo da válvula de respiro e girar o parafuso no sentido horário, até o ponto exato em que o ar deixa de escapar pelo tubo. Ou seja, o ponto exato em que o parafuso de ajuste fecha a saída de ar da válvula.
5. A partir do ponto do item 4, retornar o parafuso, girando-o no sentido anti-horário, de uma volta e meia.
6. Mantendo o parafuso de ajuste na posição do item 5, apertar a contraporca, de modo a trava-lo nesta posição.


Se não adiantar e tiver certeza de que o motor está perfeito, você pode tentar trocar a membrana da válvula. Entre em contato com o wwelzl aqui no fórum, ele tem para vender.

O óleo que está subindo é só óleo puro escuro ou vem como uma espuma de café com leite (água)? Se estiver assim, é porque as juntas de cabeçote já eram, e nada vai fazer parar.

Aqui em Curitiba você encontra um dos maiores conhecedores de Gurgel e fornecedor de peças para todo o país... Fale com o Darcy, da SOS Gurgel: 3369-5573. R. Júlio Wischral, 62, no Uberaba.

AO AMIGO WWELZI - GOSTARIA DE SABER SE V. TEM A VENDA

MensagemEnviado: 13/Ago/2008 08:56
por georghf
AMIGO WWELZI, você teria a venda a Membrana da Válvula de Respiro do Cárter. Estou tentando, com ajuda importante dos amigos do forum, resolver o problema de óleo subindo pela mangueira que vai até o filtro de ar. No meu caso, é muito óleo, tanto que andamos um pouco e temos que repor oleo no motor, pois está saindo muito. O motor funciona perfeitamente, dá partida , nao fumaceia, nao perdeu potencia, pelo contrario está andando bem mesmo, mas ta com esse problema de subida de muito óleo e como falei para o amigo Helio , que é dificil encontrar mecânico que entenda de Gurgel, pois o Carrinho tem suas manhas, e só que entende mesmo pode resolver algumas paradas. Bem se v. puder me ajudar ficarei grato, este forum é importantíssimo aos proprietários e amantes do carrinho. Grato . Geo de Curitiba (g1)

MensagemEnviado: 14/Ago/2008 07:32
por wwelzl
Tenho sim, vide o anúncio em: http://www.gurgel800.com.br/classificad ... iteid=2057

Me envie um e-mail solicitando a peça, que lhe passarei os dados para efetuar o depósito.

foram-se os anéis

MensagemEnviado: 12/Set/2008 01:55
por carlos
Eram os anéis gastos, pistões com folga e os anéis estavam girando. Jogo de pistões novos e vamos ver no que vai dar. :(